Opinião – Seis Anos Depois – Harlan Coben – Editorial Presença

Seis anos depois

 

Coleção: Minutos Contados
Nº na Coleção: 39
Data 1ª Edição: 21/01/2014
Nº de Edição: 1ª
ISBN: 978-972-23-5187-4
Nº de Páginas: 288

Sinopse:

Passaram seis anos desde que Jake Fisher assistiu ao casamento de Natalie, o amor da sua vida, com Todd Sanderson. Seis anos durante os quais cumpriu a promessa que lhe fizera de não voltar a procurá-la ou a contactá-la. Mas quando, por mero acaso, Jake se depara com o obituário de Todd, não consegue impedir-se de ir ao seu funeral. Só que… a viúva que vê não é Natalie. Quem quer que seja, a mulher no funeral esteve casada quase vinte anos com Todd e tem dois filhos adolescentes. Jake começa então uma busca pela verdade, pelo seu passado, por Natalie… E rapidamente se torna óbvio que andam mais pessoas a tentar encontrá-la…

Uma vida construída sobre mentiras. Uma verdade capaz de matar. Seis Anos Depois é um bestseller do The New York Times de Harlan Coben, autor que conta já com mais de 50 milhões de exemplares vendidos.

A minha Opinião:

Sabem aquele livro que leram a sinopse e quiseram logo comprar? Este é um deles. Infelizmente só o pude comprar na passada terça-feira, aproveitei um dos vales promocionais de 5 euros que a Bertrand nos deu na Feira do Livro, mas agarrei logo nele assim que cheguei a casa. E li em menos de 24 horas. Acreditem não se consegue parar de ler… só parei porque eram 4 da manhã e os olhos já choravam… mas retomei logo na manhã seguinte.

A história é bem clara e simples. Conta-nos o desgosto de amor de um homem, que perdeu a mulher da sua vida para outro homem mas nunca compreendeu como nem porquê. E passados seis anos tudo muda. Conseguimos logo afeiçoar-nos a ele, Jake , um professor simpático e honesto que vai percorrer Mundos e fundos para descobrir o paradeiro da mulher que ele viu casar com outro, a mulher que ele ama e que lhe pediu que a deixasse em paz. Mas passados seis anos, ao ver um simples obituário a sua vida muda e somos arrastados para um mistério, para um desenrolar de acontecimentos na vida deste homem que só queremos dizer-lhe que vai ficar tudo bem. Após a leitura daquele obituário que dava a informação da morte do então marido de Natalie , Jake vê-se numa situação em que precisa de a encontrar precisa dar significado àquele amor por ela e não olha a meios para atingir fins. E o mesmo se adequa aos outros que também a procuram sem sucesso e tentam arrasar Jake. Natalie parece que se evaporou do Mapa. Eu tive momentos em que não fazia ideia (não fazia mesmo) do que se tratava, como iria ser o desfecho.  É-nos apresentada uma realidade tão frenética, e ao mesmo tempo um crescendo de suspense que nos faz agarrar até ás ultimas letrinhas.

A escrita é corrida, de muito fácil interpretação. Foi o primeiro livro de Harlan Coben que li, mas já tenho em minha posse mais três títulos deste autor (Campanha dos livros grátis da Presença) que vou com toda a certeza ler a partilhar com vocês. Recomendo vivamente a leitura deste livro, e não, não me decepcionei nada e foi uma óptica leitura para fim de férias.

Mónica Mil

Anúncios

Posted on 20 de Junho de 2014, in Geral, Reviews. Bookmark the permalink. Deixe um comentário.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: