Daily Archives: 7 de Abril de 2015

Opinião – O Diário de Arianna – vol. I (Saga Four Elements, #1) – Ana Luísa Matos

24483158

 

Autor : Ana Luísa Matos
Editor : Chiado Editora
Data de lançamento : Dezembro 2014
Coleção Mundo Fantástico
Nº Páginas : 442

Sinopse:

E se num só dia tudo o que conhecêssemos como normal se alterasse? Se toda a ficção que conhecemos dos livros se misturasse com a realidade?
Serena Moon e as suas três amigas são raparigas comuns, cujas preocupações se centram na escola e nos típicos problemas do fim da juventude. Contudo, tudo muda quando aparições divinas, poderes sobrenaturais e seres feitos de lama definem um novo rumo nas suas vidas. Confrontadas com uma estranha realidade, as jovens cépticas descobrem ser as reencarnações de antigas Princesas­ Guerreiras dos quatro elementos, regentes de um mundo há muito perdido.
Lutando contra uma poderosa inimiga do passado e buscando o misterioso objecto que esta tanto ambiciona, as jovens deparam-­se com um curioso diário que desvenda segredos sombrios há muito enterrados. Este encerra uma derradeira profecia que dita um trágico destino, todavia escasseiam as pistas sobre o objecto e a sua enigmática localização, levando as jovens para perigosas e surreais aventuras. É urgente encontrar esse malfadado objecto, mas como encontrá-­lo se as jovens desconhecem do que se trata?
Sonhando com a sua vida passada enquanto Princesa da Água, Serena vê-­se dividida entre um amor fresco e libertador que a enche de felicidade e um outro quente e misterioso que a desencaminha sedutoramente. Porém, quem será o desaparecido Príncipe da Água, para si designado pelos Deuses?
Um enorme e envolvente mundo onde o romance e a acção estão presentes em cada página, onde a comédia delicia o leitor e o suspense devora o fã. Four Elements chega até nós como um sonho tornado realidade.

Ana Luísa Matos nasceu a 18 de Janeiro de 1991 em Ponta Delgada, São Miguel. Aos 9 anos veio com a família para Lisboa onde desde então prosseguiu os estudos na área de Ciências e Tecnologias. Começou a escrever o seu primeiro livro aos 16 anos como hobby, tendo escrito os três primeiros volumes da Saga Four Elements ainda antes de entrar para a Universidade.

Após dois anos na Licenciatura em Física, percebeu que a sua vocação era a área da Comunicação, tendo concluído a Licenciatura em Ciências da Cultura na Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa. Viajou para Inglaterra em Erasmus e nunca parou de sonhar e de escrever. Hoje, conta com cinco livros desta saga e outras quatro histórias à espera de continuação.

“Escrevo aquilo que gostaria de ler num livro e tal como se descrevesse um filme que visse pela primeira vez, com todo o entusiasmo, ideias e música de fundo.”

Opinião:

Fiquei a conhecer este livro porque a autora é conhecida do Gustavo e já tínhamos estado juntas num aniversário de um amigo em comum. Fiquei muito curiosa em relação a esta obra apenas pela leitura da Sinopse.

Quando comecei a ler, senti logo uma familiaridade enorme. Conforme fui lendo, cada vez mais senti as influências/coincidências com algo que conheço, com algo por que sou apaixonada que é Bishoujo Senshi Sailormoon. Não é uma crítica, mas efectivamente quem é completamente apaixonada por Bishoujo Senshi Sailormoon e conhece a história toda, vê aqui uma inspiração na mesma. Lógico que adorei 🙂

Somos introduzidos a um universo simples, mágico, do imaginário de infância de muitas meninas… o universo das princesas guerreiras com poderes mágicos que salvam o Mundo, salvo raras excepções faz parte da infância de qualquer menina e sabe bem (pelo menos a mim) ler sobre isso mesmo.  Temos uma introdução à história bem construída e conseguimos absorver logo as intenções da autora. Tudo se passa no Mundo dos dias de hoje e somos levados a desvendar a história de cada uma das personagens principais enquanto elas próprias se descobrem a si, os seus poderes, os passados cheios de segredos e a sua nova condição. A introdução dos Quatro elementos do Planeta Terra (Água, Fogo, Ar e Terra) e as invocações à Deusa Lua são de cariz forte e sólido para uma boa trama. Somos também envolvidos por um dilema passado por Serena Moon, a personagem principal, que tem dois amores intemporais e não sabe como lidar com tal. Entre cenas picantes e indecisões de jovem adulta, ela tem que tomar decisões que irão mudar a sua vida e a vida de todos os que a rodeiam. Julgo que esta parte foi bastante explorada e às vezes parece que a história só se desenrola em torno disso, mas logo em seguida somos presenteados com novos elementos. Temos perfeita noção que é um romance de estreia, ainda com muitas arestas para limar, mas com uma narrativa promissora e emocionante. Os capítulos finais deixam-nos mais perguntas do que revelações o que é importante para manter os leitores interessados nos próximos volumes (sim que eu eu sei que vem aí mais).

Menos positivo, apanhei algumas gralhas (nada de muito importante), que devem ser obviamente corrigidas e colmatadas nos próximos volumes. É de facto uma narrativa para jovens leitores e onde se nota o trabalho, empenho e dedicação que a Ana Luísa teve neste seu sonho, que é efectivamente o seu livro e a história que a sua mente criou.

Gostava que todos pudessem ler o Diário de Arianna, e dou 3 estrelas no Goodreads, porque sei que os próximos volumes serão ainda melhores!

Obrigado Ana Luísa Matos pelo carinho e desejos de um enorme sucesso! Estamos cá para te ajudar nessa caminhada!

Opinião – The Cleaner (Jonathan Quinn #1) by Brett Battles

cleaner_uk_200

 Sinopse:

Jonathan Quinn is a professional cleaner. His job? Nothing too violent, just disposing of bodies, doing a little cleanup if necessary. But in Brett Battles’ electrifying debut novel, Quinn’s latest assignment will change everything, igniting a harrowing journey of violence, betrayal, and revenge.

The job seemed simple enough: investigating a suspicious case of arson. But when a dead body turns up where it doesn’t belong—and Quinn’s handlers at “the Office” turn strangely silent—he knows he’s in over his head.

With only a handful of clues, Quinn scrambles for cover, struggling to find out why someone wants him dead . . . and if it’s linked to a larger attempt to wipe out the Office.

His only hope may be Orlando, a woman from his past who’s reluctant to help but who may hold the key to solving the case. Suddenly the two are prying into old crimes, crisscrossing continents, struggling to stay alive long enough to unbury the truth. But as the hunt intensifies, Quinn is stunned by what he uncovers: a chilling secret . . . and a brilliantly orchestrated conspiracy—with an almost unimaginable goal.

Furiously paced, filled with superbly drawn characters and pitch-perfect dialogue, The Cleaner puts a powerful twist on all our expectations as it confirms Brett Battles’ place as one of the most exciting new talents in suspense fiction today.

Delacorte Press Hardcover, June 2007, 978-0440243700
Dell Mass Market Paperback, June 2008, 978-0440244387
UK: Preface Publishing, March 2008, 978-1848090071

brett-2012-200

Brett Battles was born and raised in southern California. His parents, avid readers, instilled the love of books in him early on.

Though he still makes California his home, he has traveled extensively to such destinations as Ho Chi Minh City, Berlin, Singapore, London, Paris, and Bangkok, all of which play parts in his current and upcoming Jonathan Quinn thrillers.

Opinião introdutória:

Hoje queria falar-vos um pouco deste livro e deste autor que conheci e li em Outubro de 2013 através de uma troca de livros no http://www.winkingbooks.com. Adorei a sinopse e como já é hábito cá em casa ler em inglês, quis dar uma oportunidade a este livro.

Pois bem, a experiência não poderia ter sido melhor. Mas que livro fabuloso e que história ainda mais surpreendente! Não nos falta nada, emoção, suspense, espionagem ao seu melhor nível, personagens fortes e uma narrativa sólida e consistente com um Thriller fabuloso. Quinn é um individuo que ganhar a vida a limpar a “trapalhada” que os outros deixam. Até que se vê envolvido ele próprio numa trapalhada que lhe fugiu completamente ao controlo e ele passa de “limpar vitimas dos outros” a ele próprio ser vitima de uma conspiração muito além do seu conhecimento. Quinn é ajudado pela sua amiga  de longa data (e longas histórias e aventuras) Orlando e ainda o aspirante a “Cleaner” Nate. Juntos vão viver intensamente toda a trama para conseguirem descobrir tudo por de trás da conspiração e quem é que quer ver a agência para a qual Quinn e Nate trabalham destruída.

Quando li, Quinn pareceu-me muito o protagonista da aclamada série dos anos 90, “The Pretender” e foi isso que me fez ainda gostar mais do livro e da história e ansiar por mais. É daqueles livros que nos faz ler quase sem parar porque pura e simplesmente não existem “tempos mortos” é só acção pura e dura.

Infelizmente cá em Portugal as Jonathan Quinn Novels ainda não chegaram traduzidas para a nossa língua e isso deixa-me triste, porque este autor já merecia ser traduzido em Portugal pela excelente qualidade com que escreve.

Actualmente acabou de lançar o 9º livro das Jonathan Quinn Novels e eu consegui em ebook alguns dos livros de forma a ver se consigo ter tempo para ler pelo menos o segundo volume e partilhar convosco. Acreditem que vale mesmo a pena e se têm facilidade em ler em inglês, força, não se arrependerão!

Para quem quiser saber mais sobre os livros e o autor pode consultar aqui.
Sobre as  Jonathan Quinn Novels , consultem aqui.
O Facebook do autor, sempre com novidades aqui.

Mónica Mil