Category Archives: Sem categoria

Opinião – Pecados Santos – Nuno Nepomuceno – Cultura Editora

Pecados-Santos

Sinopse:

Nas comunidades judaicas de Londres e Lisboa, ocorre uma série de homicídios, todos eles recriando episódios bíblicos. Atos bárbaros de antissemitismo ou de pura vingança?Um rabino é encontrado morto numa das mais famosas sinagogas de Londres. O corpo, disposto como num quadro renascentista, representa o sacrifício do filho de Abraão, patriarca do povo judeu.O caso parece encerrado quando um jovem professor universitário a lecionar numa das faculdades da cidade é acusado do homicídio. Descendente de portugueses, existem provas irrefutáveis contra si e nada poderá salvá-lo da vida na prisão.Mas é então que ocorrem outros crimes, recriando episódios bíblicos em circunstâncias cada vez mais macabras. E as dúvidas instalam-se.Estarão ou não estes acontecimentos relacionados?
Poderá o docente vir a ser injustamente condenado?Porque insistirá a sua família em pedir ajuda a um antigo professor, ele próprio ainda em conflito com os seus próprios pecados?
As autoridades contratam uma jovem profiler criminal para as ajudar a descobrir a verdade. Mas conseguirá esta mente brilhante ultrapassar o facto de também ela ter sido uma vítima no passado?
Abordando temas fraturantes da sociedade contemporânea como o antissemitismo e o conflito israelo-árabe, e inspirando-se nos Dez Mandamentos e noutros episódios marcantes do Antigo Testamento, Pecados Santos guia-nos através das ruas históricas de Londres, Lisboa e Jerusalém, numa viagem intimista e chocante sobre o que de mais negro e vil tem a condição humana.

Opinião:

Brilhante. Incrível. Um livro para recordarmos por longos anos…

E o Nuno Nepomuceno fê-lo de novo! Estamos perante a sua nova obra e mais uma vez fiquei completamente absorvida pela qualidade da narrativa.
Estamos presentes uma história completamente viciante, sem pausas, mas também perante um trabalho de investigação rigoroso e presencial que nos leva a uma espetacular lição de história e cultura geral. A rica narrativa gira em torno da cultura judaica, transportando-nos para as raízes da humanidade assim como para todo o conflito infelizmente ainda bastante atual entre Israel e a Palestina. E Homicídio.
Múltiplos homicídios recriados a partir de factos bíblicos em países diferentes mas com origens portuguesas fazem com que o protagonista desta trama (e restantes personagens associadas ao mesmo) seja empurrado a exorcizar antigos demónios e a lutar para que uma profecia não se concretize. Curiosos?

Ao longo de toda a investigação conjunta destes homicídios por parte das autoridades portuguesas, Inglesas, de uma jornalista e do antigo professor Afonso Catalão, somos confrontados com revelações chocantes que nos deixam a respiração suspensa e quando pensamos que já sabemos tudo, enganem-se… que o melhor vem no fim. E que fim!

Adorei os pequenos apontamentos que o autor fez entre esta obra e as suas obras anteriores, criando um sentimento de familiaridade e homogeneidade que o caracterizam.

O final deixa-nos claramente a porta aberta para um possível acompanhamento destas personagens em obras futuras do autor, que eu espero sinceramente que venham a ver a luz do dia.

O autor é simplesmente um dos melhores escritores portugueses no panorama atual. Não tenho qualquer problema em afirmar e a desafiar o mesmo a escrever mais porque quando temos um dom assim, não o podemos desperdiçar, mesmo que a estrada que temos que percorrer seja feita de espinhos.
Recomendo vivamente, assim como as anteriores obras.

5stars

Site Oficial de Nuno Nepomuceno
Cultura Editora
Anúncios

Opinião – Os Três de Sarah Lotz – Saida de Emergência

OsTres

Sinopse:

O dia que nunca será esquecido.
O dia em que há quatro acidentes de avião, em simultâneo, em diferentes pontos do globo.
E três crianças sobreviveram.

O mundo vive atordoado com a trágica coincidência. À beira do pânico global, as autoridades são pressionadas a encontrar as causas que motivaram os acidentes. Com terrorismo e desastres ambientais fora da equação, não parece haver uma correlação lógica, tirando o facto de ter havido uma criança sobrevivente em três dos quatro acidentes.
Intituladas Os Três pela imprensa internacional, as crianças exibem distúrbios de comportamento, presumivelmente causados pelo horror que viveram e pela pressão da comunicação social. Esta pressão torna-se ainda mais intrusiva quando um culto religioso liderado por um ministro fanático insiste que as crianças são três dos quatro profetas do Apocalipse. E se, para mal de toda a Humanidade, ele tiver razão?

Opinião:

Já andava há tanto tempo para ler este livro que quando peguei nele suspirei e disse para mim mesma “É Hoje!”. E não me arrependi. Após muito tempo sem me agarrar a livro algum (Excepto os volumes do “Warcraft Chronicles” que já li duas vezes cada), senti que regressei em grande.

Confesso que logo ao iniciar a leitura senti que ia estar perante uma narrativa cheia de surpresas e nível de interesse em escala, mas nada me preparou para aquilo que realmente li.

Com uma forte componente “sobrenatural” aliada a assuntos muito reais como a influência em massa associada a motivos religiosos e políticos, somos arrastados para uma narrativa diferente em forma de pequenas entrevistas aos intervenientes directos e indirectos do tema principal, a sobrevivência de 3 crianças (apenas essas 3 crianças) em 4 acidentes de avião simultâneos em 4 pontos do Globo sem razão aparente.  Tudo gira em torno dessas crianças e do testemunho antes de falecer de uma passageira de um desses aviões… ou assim pensávamos.

Num instante somos empurrados para uma espiral de decadência humana, social, politica e religiosa e para o verdadeiro flagelo que é o mediatismo exagerado, a busca pela verdade que não quer ser descoberta e aquela pitada de sobrenatural que nos deixa presos até ao fim… mas será que obtemos resposta às nossas perguntas? Depende da interpretação. Depende da forma como abraçamos a leitura do livro. Eu tive respostas, mas fiquei com o sentimento que faltou algo, que existe ali um lapso de informação que seria necessário para ficarmos com o sentimento que aquilo que  “sentimos” corresponde ao que a autora teve em mente.

Não posso deixar de recomendar a leitura, é viciante do inicio ao fim, mas sinto que faltou algo…a minha veia de ligação com o sobrenatural espera sempre mais 😉

4star2

 

Mónica Mil-Homens

 

 

 

 

 

 

 

 

2º Aniversário

Boa noite a todos, é verdade aqui neste cantinho sopramos duas velas.

Quem diria que um pequeno hobby iria evoluir e chegar a este patamar.

A todos vós o nosso sincero agradecimento por nos apoiarem e espero que nos continuem a acompanhar por esses livros fora.

Entretanto estamos a estudar algumas alterações ao blog que julgo virem a marcar a diferença. Mantenham-se atentos à nossa página de Facebook pois poderemos solicitar a vossa opinião.

 

Boa noite a todos e boas leituras

 

Gustavo e Mónica

 

P.S. – Não se esqueçam do passatempo a valer um livro até dia 15.

[Novidade BibliotecaMil] Ebook Reader Archos 70b

Boa tarde a todos. Finalmente tivemos oportunidade para adquirir uma coisinha destas. Bom, não é nada de especial, não é nenhum Kindle ou Kobo MAS estamos muito felizes com o resultado final sabem porquê? Porque nos custou apenas 29,00€, portes incluídos.

Foi uma daquelas compras relâmpagos, através da newsletter do ShowroomPrive.pt, e arriscámos. E correu muito bem!

Fotos_Ebook_reader.jpg

Este pequenito, tem as seguintes características:

Details and specifications

Maker Archos
Intro year 2011
Screen size (inch) 7
Screen type [?] LCD – TFT (Color)
Weight (gramm) 370
Screen pixels 800 x 480
Colors/Screen shades 16M (colors)
Operating system [?] Android
Touch screen Yes
Stylus [?] No
Wireless network [?] WiFi
Text-to-speech [?] No
Integrated dictionary [?] No
Directory organization Yes
Internal storage (Mb) 4096
Card reader slot [?] SDHC
Replaceable battery No
Web browser Yes
Library compatible [?] Yes
File format support 3gp, avi, bmp, doc, epub, fb2, flac, flv, gif, html, jpg, mov, mp3, mp4, ogg, pdf, png, wav, wmv
USB peripherals Yes
Connector miniUSB
Audio jack Yes
Microphone Yes
Speakers Stereo

Portanto e apesar de ser um produto antigo, serve perfeitamente para aquilo que queremos e consideramos que foi uma excelente aposta face ao preço.

Finalmente vamos poder começar a ler os ebooks todos que os autores nos enviam e aqueles que nos arranjam 🙂 Por isso não se acanhem 😉

Mónica & Gustavo Mil

Nova Parceria – Chiado Editora

E hoje estabelecemos nova Parceria, desta feita com a Chiado Editora.

Obrigado a todos por nos permitirem continuar com este nosso Cantinho !

chiado

Opinião – O Marciano, Andy Weir – Editora Topseller

Capa Marciano
O Marciano
de Andy Weir
Edição/reimpressão: 2014
Páginas: 384
Editor: TopSeller
ISBN: 9789898626387

Sinopse

Uma Missão a Marte. Um acidente aparatoso. A luta de um homem pela sobrevivência.

Há exatamente seis dias, o astronauta Mark Watney tornou-se uma das primeiras pessoas a caminhar em Marte. Agora, ele tem a certeza de que vai ser a primeira pessoa a morrer ali.

Depois de uma tempestade de areia ter obrigado a sua tripulação a evacuar o planeta, e de esta o ter deixado para trás por julgá-lo morto, Mark encontra-se preso em Marte, completamente sozinho, sem perspetivas de conseguir comunicar com a Terra para dizer que está vivo.

E mesmo que o conseguisse fazer, os seus mantimentos esgotar-se-iam muito antes de uma equipa de salvamento o encontrar.

De qualquer modo, Mark não terá tempo para morrer de fome. A maquinaria danificada, o meio ambiente implacável e o simples «erro humano» irão, muito provavelmente, matá-lo primeiro.

Apoiando-se nas suas enormes capacidades técnicas, no domínio da engenharia e na determinada recusa em desistir, e num surpreendente sentido de humor a que vai buscar a força para sobreviver, ele embarca numa missão obstinada para se manter vivo. Será que a sua mestria vai ser suficiente para superar todas as adversidades impossíveis que se erguem contra si?

Fundamentado com referências científicas atualizadas e impulsionado por uma trama engenhosa e brilhante que agarra o leitor desde a primeira à última página, O Marciano é um romance verdadeiramente notável, que se lê como uma história de sobrevivência da vida real.

Opinião

Com uma capa simples e directa este livro apresenta-se ao leitor sem qualquer presunção apenas com um teaser frontal… “Estou preso em Marte. Não consigo comunicar com a Terra. E todos julgam que morri.” que nos deixa logo curiosos e nos faz questionar, Como?

Numa época em que a exploração espacial saiu um pouco das noticias actuais mas cujos projectos continuam a decorrer com prazos enormes, por vezes com várias décadas desde a planificação ao lançamento, surge esta narrativa que paralelamente à acção principal nos vem dar um vislumbre das implicações de uma viagem espacial bem como as dificuldades de uma missão de socorro.

A narrativa começa em modo diário, onde conhecemos Mark Watney numa situação complicada, ficou encalhado em Marte e ninguém sabe que sobreviveu à tempestade. Ao longo do livro vamos acompanhando Mark (astronauta, engenheiro mecânico, biólogo) na sua luta pela sobrevivência num estilo que nos faz lembrar as engenhocas do MacGyver mas num ambiente completamente hostil, onde quase por milagre o nosso herói aprende com os erros.

O livro apresenta-se de tal forma coerente e plausível que não me admiraria muito que visse a ser utilizado como inspiração nas futuras missões tripuladas a Marte (ou a qualquer outro planeta), pois mostra quase tudo o que pode correr mal e quão impotentes são as equipes do controle de missão, aliás veja-se o caso da Apolo 13 em que foi uma luta contra o tempo e graças aos esforços de uma equipe em terra, que recorreu a outra cápsula igual ligada a um simulador, que tudo fizeram para encontrar a solução com os meios disponíveis a bordo.

De uma leitura viciante, agarra-nos deste a primeira página até à ultima letra, facilmente nos colamos à personagem principal, dona de um humor sui generis, sofremos com ele ansiamos pelo momento seguinte e ao chegar ao final ficamos a salivar e a questionar-mo-nos, e depois?

Adorei a parte geopolítica presente na tentativa de salvamento, todas as agências Espaciais se uniram com um fim e deixaram as questões politicas para serem debatidas depois.

Julgo que seria um bom titulo a ser adoptado nos programas escolares não só para línguas mas também para as ciências.

Este é um daqueles livros aos quais dou 5 estrelas, pois praticamente não encontro nada de negativo a apontar. Recomendo vivamente e aviso que vão achar que soube a pouco.

Para mais informações e um preview do livro consultem o site da Editora Topseller.

 

Nós – World of Warcraft :)

Só mais um pouquinho daquilo que somos 🙂

10394113_951053744921722_4962000374852993103_n