Author Archives: kou_seiya_girl

Opinião – A Última Ceia de Nuno Nepomuceno – Cultura Editora

entrada-trailer

19657164_255617651591023_2987414145344008811_n

Sinopse:

Uma nota enigmática é encontrada junto a lascas de tinta e tela, e à moldura vazia de um quadro famoso. O ladrão deixou um recado. Promete repetir a façanha dentro de um ano. De visita à igreja de Santa Maria delle Grazie em Milão, uma jovem mulher apaixona-se por um carismático milionário. Mas quando alguns meses depois é abordada por um antigo professor, Sofia é colocada inesperadamente perante um dilema. Deverá denunciar o homem com quem vai casar-se, ou permitir tornar-se cúmplice deste ladrão de arte irresistível?

Enquanto a intimidade entre o casal aumenta, um jogo de morte, do gato e do rato, começa. E aquilo que ao início aparentava ser um conto de fadas, transforma-se rapidamente num pesadelo, enquanto um plano ousado e meticuloso é urdido para roubar a obra-prima de Leonardo da Vinci. Requintado, intimista, inspirado em acontecimentos verídicos, A Última Ceia transporta-nos até ao elitista mundo da arte. Passado entre Londres e Milão, habitado por uma coleção extraordinária de personagens, para as quais a ambição e fama sobrepõem-se a qualquer outro valor, este é um thriller sofisticado de leitura compulsiva. Uma viagem surpreendente ao centro de uma teia de intrigas, romances e traições.

Opinião:

Quando é para escrever sobre as obras do Nuno é sempre muito dificil não enveredar por uma quantidade significativa de elogios e admiração. Torna-se cada vez mais dificil ser parcial na opinião porque a cada livro escrito o Nuno melhora e torna-se cada vez mais um dos melhores autores portugueses existentes.

A Última Ceia não desilude, impressiona. Estamos perante (e novamente como já nos habituámos nas obras do autor) de uma autêntica e riquíssima lição de história e cultura na qual somos envolvidos e impelidos a ler avidamente até ao fim. Com detalhes impressionantes sobre monumentos e locais históricos e sagrados, seguimos novamente as aventuras de personagens já nossas conhecidas (e muito queridas) e de novo “sangue” que trouxe a esta trama tudo o que precisávamos para nos satisfazer o desejo de leitura de um thriller impressionante.

Focando-se primariamente no roubo nefasto de arte e de tudo o que isso acarreta e envolve (os que roubam, o que os leva a roubar, os lesados) são abordados temas secundários mas chocantes e vitais para toda a trama, referenciando as demais e conhecidas fragilidades do Clero e comportamentos não aceitáveis por parte do mesmo, assim como das conhecidas “elites” sociais da idade moderna. Pegando em casos reais o autor conseguiu trazer-nos uma história chocante, verdadeira e acima de tudo detalhada de como o ser humano é tão frágil perante condições adversas e/ou proibidas.

Adoro (e tenho que o dizer) que ao longo da leitura sejamos presenciados com pequenas referências às obras anteriores do autor, faz-nos sentir apreciados e realmente acarinhados e isso hoje em dia é dificil, essa transmissão de dedicação e agradecimento a quem efectivamente lê e se interessa por uma obra. Também são pontos muito altos as descrições maravilhosas e detalhadas de todos os cenários presentes, da indumentária das personagens, tudo detalhes que tornam a experiência de leitura muito próxima de uma “realidade virtual” em que nos sentimos realmente onde o autor nos quer. E isso não é para todos.

Nuno, obrigado por novamente nos teres agraciado com uma obra soberba, de qualidade superior e irreprensivelmente uma das melhores obras de ficção Nacional e comparada às melhores internacionais que tive a oportunidade de ler este ano.

Só posso recomendar, assim como as restantes obras do autor.

4star2

Website Oficial do Autor
Página Oficial Facebook
Cultura Editora

Podem adquirir esta obra nas principais livrarias do país assim como online no website da Editora. Abaixo segue o dia em que o autor estará na Feira do Livro de Lisboa 2019.

61014968_600009037151881_8875212075056496640_o

Anúncios

Inauguração da Exposição Tsuru, Casa da Cultura de Setúbal – 3 de Março – Devir

unnamed

A Devir tem o prazer de o convidar para a inauguração da Exposição Tsuru, na Casa da Cultura de Setúbal, no dia 3 de março, pelas 17 horas.

A coleção Tsuru é uma coleção de mangá que reúne autores japoneses clássicos e contemporâneos inovadores, reconhecidos pela sua contribuição para a arte da banda desenhada e também, para a cultura japonesa.

Durante a sessão será servido um aperitivo.

 

 

A EDITORA DEVIR É UM GRUPO EDITORIAL ESPECIALIZADO
EM BANDA DESENHADA, A EDITAR EM PORTUGAL DESDE 1999.

editoradevirmangaportugal
editora.devir.pt
media.portugal@devir.com

[Divulgação] Malinha Brilhante e Livro de Anedotas para divertir e transportar! – Jacarandá

Malas Brilhante_ Anedotas-page-001Malas Brilhante_ Anedotas-page-003

[Divulgação] TOMÁS – Maternidade, trissomia e amor: a história de um bebé especial – Jacarandá

Tomás-page-001

 

Novidades Editoriais | De 2 a 9 de Fevereiro de 2018 | Chiado Books

 

Podem consultar todas as novidades aqui (descarreguem o pdf).

Boas Leituras!

Sugestões para o dia dos Namorados – Jacarandá

Seguem as sugestões que a Jacarandá tem como oferta para o Dia dos Namorados 😉

Para mais informações basta clicar nas fotos 😉

Uma Divulgação 

[Divulgação] Antes de Sermos Vossos de Lisa Wingate – livro no TOP do New York Times – Saída de Emergência


Chancela: Chá das Cinco
Data 1ª Edição: 02/02/2018
ISBN: 9789897103056
Nº de Páginas: 368
Dimensões: [160×230]mm
Encadernação: Capa Mole

Sinopse:

Inspirado em factos verídicos, esta é a história de duas famílias e da terrível injustiça que as mudou para sempre.

Nascida num mundo de riqueza e privilégio, Avery Stafford tem tudo. Filha adorada de um senador americano, com a sua própria carreira como advogada e um noivo maravilhoso à espera em Baltimore, ela vive uma vida encantada.

Mas quando regressa a casa para ajudar o pai com um problema de saúde, um encontro casual com May Crandall, uma idosa desconhecida, deixa Avery profundamente abalada. Ao decidir descobrir mais sobre a vida de May irá embarcar numa viagem pela história oculta de crianças roubadas e adoções ilegais. E cedo irá desvendar um segredo que pode levar à devastação… ou à redenção.

Baseado num dos mais conhecidos escândalos da América — em que uma instituição de adoção vendeu crianças a famílias ricas —, este romance comovente e fascinante recorda-nos como, apesar de os caminhos que tomamos levarem a muitos lugares, o coração nunca esquece onde pertencemos.

Acerca da autora

Lisa Wingate é uma antiga jornalista, oradora inspirada e autora de mais de vinte romances campeões de vendas. As suas obras ganharam ou foram nomeadas para numerosos prémios, incluindo o Pat Conroy Southern Book Prize, o Oklahoma Book Award, o Carol Award, o Christy Award e o RT Reviewers’ Choice Award. Wingate vive nas Montanhas Ouichita do sudoeste do Arkansas.

Podem ler um excerto da obra aqui e comprar aqui.

Vamos dar ínicio às pequenas remodelações…

Curbed_RenovationWeek_Logo-3.1-BHB-FINAL.0

Vamos renovar para inovar 🙂 Vão haver surpresas para os nossos leitores após a renovação! Daquelas que todos gostam 😉

Convidem amigos a seguir o nosso Blog e a nossa página no Facebook 🙂

Opinião – Pecados Santos – Nuno Nepomuceno – Cultura Editora

Pecados-Santos

Sinopse:

Nas comunidades judaicas de Londres e Lisboa, ocorre uma série de homicídios, todos eles recriando episódios bíblicos. Atos bárbaros de antissemitismo ou de pura vingança?Um rabino é encontrado morto numa das mais famosas sinagogas de Londres. O corpo, disposto como num quadro renascentista, representa o sacrifício do filho de Abraão, patriarca do povo judeu.O caso parece encerrado quando um jovem professor universitário a lecionar numa das faculdades da cidade é acusado do homicídio. Descendente de portugueses, existem provas irrefutáveis contra si e nada poderá salvá-lo da vida na prisão.Mas é então que ocorrem outros crimes, recriando episódios bíblicos em circunstâncias cada vez mais macabras. E as dúvidas instalam-se.Estarão ou não estes acontecimentos relacionados?
Poderá o docente vir a ser injustamente condenado?Porque insistirá a sua família em pedir ajuda a um antigo professor, ele próprio ainda em conflito com os seus próprios pecados?
As autoridades contratam uma jovem profiler criminal para as ajudar a descobrir a verdade. Mas conseguirá esta mente brilhante ultrapassar o facto de também ela ter sido uma vítima no passado?
Abordando temas fraturantes da sociedade contemporânea como o antissemitismo e o conflito israelo-árabe, e inspirando-se nos Dez Mandamentos e noutros episódios marcantes do Antigo Testamento, Pecados Santos guia-nos através das ruas históricas de Londres, Lisboa e Jerusalém, numa viagem intimista e chocante sobre o que de mais negro e vil tem a condição humana.

Opinião:

Brilhante. Incrível. Um livro para recordarmos por longos anos…

E o Nuno Nepomuceno fê-lo de novo! Estamos perante a sua nova obra e mais uma vez fiquei completamente absorvida pela qualidade da narrativa.
Estamos presentes uma história completamente viciante, sem pausas, mas também perante um trabalho de investigação rigoroso e presencial que nos leva a uma espetacular lição de história e cultura geral. A rica narrativa gira em torno da cultura judaica, transportando-nos para as raízes da humanidade assim como para todo o conflito infelizmente ainda bastante atual entre Israel e a Palestina. E Homicídio.
Múltiplos homicídios recriados a partir de factos bíblicos em países diferentes mas com origens portuguesas fazem com que o protagonista desta trama (e restantes personagens associadas ao mesmo) seja empurrado a exorcizar antigos demónios e a lutar para que uma profecia não se concretize. Curiosos?

Ao longo de toda a investigação conjunta destes homicídios por parte das autoridades portuguesas, Inglesas, de uma jornalista e do antigo professor Afonso Catalão, somos confrontados com revelações chocantes que nos deixam a respiração suspensa e quando pensamos que já sabemos tudo, enganem-se… que o melhor vem no fim. E que fim!

Adorei os pequenos apontamentos que o autor fez entre esta obra e as suas obras anteriores, criando um sentimento de familiaridade e homogeneidade que o caracterizam.

O final deixa-nos claramente a porta aberta para um possível acompanhamento destas personagens em obras futuras do autor, que eu espero sinceramente que venham a ver a luz do dia.

O autor é simplesmente um dos melhores escritores portugueses no panorama atual. Não tenho qualquer problema em afirmar e a desafiar o mesmo a escrever mais porque quando temos um dom assim, não o podemos desperdiçar, mesmo que a estrada que temos que percorrer seja feita de espinhos.
Recomendo vivamente, assim como as anteriores obras.

5stars

Site Oficial de Nuno Nepomuceno
Cultura Editora

Opinião – Os Três de Sarah Lotz – Saida de Emergência

OsTres

Sinopse:

O dia que nunca será esquecido.
O dia em que há quatro acidentes de avião, em simultâneo, em diferentes pontos do globo.
E três crianças sobreviveram.

O mundo vive atordoado com a trágica coincidência. À beira do pânico global, as autoridades são pressionadas a encontrar as causas que motivaram os acidentes. Com terrorismo e desastres ambientais fora da equação, não parece haver uma correlação lógica, tirando o facto de ter havido uma criança sobrevivente em três dos quatro acidentes.
Intituladas Os Três pela imprensa internacional, as crianças exibem distúrbios de comportamento, presumivelmente causados pelo horror que viveram e pela pressão da comunicação social. Esta pressão torna-se ainda mais intrusiva quando um culto religioso liderado por um ministro fanático insiste que as crianças são três dos quatro profetas do Apocalipse. E se, para mal de toda a Humanidade, ele tiver razão?

Opinião:

Já andava há tanto tempo para ler este livro que quando peguei nele suspirei e disse para mim mesma “É Hoje!”. E não me arrependi. Após muito tempo sem me agarrar a livro algum (Excepto os volumes do “Warcraft Chronicles” que já li duas vezes cada), senti que regressei em grande.

Confesso que logo ao iniciar a leitura senti que ia estar perante uma narrativa cheia de surpresas e nível de interesse em escala, mas nada me preparou para aquilo que realmente li.

Com uma forte componente “sobrenatural” aliada a assuntos muito reais como a influência em massa associada a motivos religiosos e políticos, somos arrastados para uma narrativa diferente em forma de pequenas entrevistas aos intervenientes directos e indirectos do tema principal, a sobrevivência de 3 crianças (apenas essas 3 crianças) em 4 acidentes de avião simultâneos em 4 pontos do Globo sem razão aparente.  Tudo gira em torno dessas crianças e do testemunho antes de falecer de uma passageira de um desses aviões… ou assim pensávamos.

Num instante somos empurrados para uma espiral de decadência humana, social, politica e religiosa e para o verdadeiro flagelo que é o mediatismo exagerado, a busca pela verdade que não quer ser descoberta e aquela pitada de sobrenatural que nos deixa presos até ao fim… mas será que obtemos resposta às nossas perguntas? Depende da interpretação. Depende da forma como abraçamos a leitura do livro. Eu tive respostas, mas fiquei com o sentimento que faltou algo, que existe ali um lapso de informação que seria necessário para ficarmos com o sentimento que aquilo que  “sentimos” corresponde ao que a autora teve em mente.

Não posso deixar de recomendar a leitura, é viciante do inicio ao fim, mas sinto que faltou algo…a minha veia de ligação com o sobrenatural espera sempre mais 😉

4star2

 

Mónica Mil-Homens